Qualidade de imagem: JPG vs RAW

JPG x Raw

Se você é iniciante na fotografia ou mesmo se já atua na área a muito tempo com certeza conhece a briga JPEG vs Raw. Mas antes de tomar partido é necessário conhecer os dois lados.

O JPEG, Joint Photographic Experts Group, mais usado em sua forma abreviada JPG, é o padrão universal de imagem. Pode ser visualizado em qualquer dispositivo sem necessidade de software específico. A maior desvantagem do JPG é que, ao ser gerado, o seu algoritmo comprime os dados para gerar arquivos menores e isso gera perda de qualidade.

Do outro lado do ringue temos os arquivos Raw que na verdade nem arquivo de imagem é. O Raw armazena informações sobre a imagem, como exposição, balanço de branco e etc. É por isso que depois de editar um arquivo Raw é necessário exportá-lo, geralmente para JPG, para distribuir a imagem. É como se o arquivo Raw fosse o filme e o JPG a foto revelada.

Outra grande diferença entre dos dois formatos é o tamanho, o formato JPG, por ser um arquivo de imagem comprimido, ocupa bem menos espaço no cartão de memória que o Raw. Porém, essa vantagem leva a perdas de informações da imagem. Além do mais, o JPG é um arquivo fechado e cada vez você faz uma alteração na imagem, em um programa de edição, ela tem que ser reprocessada, o que gera mais perdas. No arquivo Raw isso não acontece, pois trabalhamos com os parâmetros da imagem originais, sem nenhum processamento e depois de finalizar a edição exportamos a imagem em JPG ou outro formato.

O poder do Raw e a garantia de qualidade

A grande vantagem do Raw é a qualidade superior e o fato de podermos ajustar os parâmetros da foto sem perder essa qualidade. Claro que há limites para trabalhar com o Raw. Não se pode alterar os três pilares da fotografia e também não podemos alterar o foco, mas podemos alterar as configurações aplicadas pela câmera como o balanço de branco e contraste.

Mas o Raw também tem desvantagens. Um dos piores problemas é que ao se fotografar em Raw diminui-se a taxa de disparos contínuos, isto porque o arquivo Raw necessita de um tempo maior de processamento pela câmera.

Apesar do arquivo Raw ser um só, cada fabricante criou uma extensão própria para esse tipo de arquivo:

Nikon: NEF ou NRW
Canon: CR2 ou CWR
Sony: ARW, SRF ou SR2
Fuji: RAF
Olympus: ORF
Samsung: SRW
Panasonic: RAW ou RW2

Vantagens e desvantagens dos arquivos:

RAW
Vantagens Desvantagens
  • Não há perdas na imagem
  • Maior controle no pós-processamento
  • É possível corrigir a exposição, o balanço de branco e outros parâmetros
  • Maior faixa dinâmica o que gera maiores detalhes nas partes claras e nas sombras
  • Maior qualidade na impressão
  • Gera arquivos JPG com maior qualidade
  • Arquivos grandes (> 20MB)
  • Necessita de programa específico para abri-lo
  • Precisa ser processado em um computador robusto
JPG
Vantagens Desvantagens
  • Arquivos menores
  • Maior agilidade em cliques contínuos
  • Arquivo pronto, não precisa de processamento para ser visualizado
  • Pode ser visualizado em qualquer dispositivo
  • Perda de qualidade do arquivo devido à compressão
  • Menos possibilidade de processamento
  • Correção de cor e exposição com perda de qualidade
Post
Qualidade de imagem: JPG vs RAW
Título
Qualidade de imagem: JPG vs RAW
Descrição
Se você é iniciante na fotografia ou mesmo se já atua na área a muito tempo com certeza conhece a briga entre o JPEG e o Raw.
Autor
Blog
Blog Olha o Passarinho
Logo
Qualidade de imagem: JPG vs RAW
5 (100%) 1 vote

Se gostou, compartilhe!
Email this to someoneShare on Facebook1Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on Tumblr0Pin on Pinterest0Print this page

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *